Inovações sem fim

Conheça algumas tecnologias que fazem parte da nossa rotina e outras que podem se tornar parte do cotidiano em breve!


Imagem em 360°

Quem assiste às transmissões dos jogos no estádio Maracanã já deve ter visto uma imagem em 360° dos principais lances das partidas. O software FreeD – ou “câmera 360°” – é de origem israelense e recria os pixels da imagem para simular cenas reais do jogo. No Brasil, o recurso funciona a partir de múltiplas câmeras instaladas ao redor do campo. A solução está em fase de teste, mas promete surpreender nas Olimpíadas de 2016. O FreeD nasceu da tecnologia dos drones e é um exemplo de como soluções de segurança podem ser aproveitadas na vida civil. “O Brasil deu um grande passo em cybersecurity na Copa do Mundo”, enfatizou Rafael Vulej, representante nacional da FreeD. E tem a chance de levar isso para outras áreas da sociedade.

Confira imagens geradas pelo FreeD aqui: http://replay-technologies.com/.

Carros inteligentes

Criado na Universidade de Jerusalém, o Mobileye está revolucionando a indústria de segurança automobilística. A tecnologia utiliza sofisticados algoritmos de visão para prevenir colisões. É capaz de interpretar uma cena em tempo real e fornecer aos motoristas uma avaliação imediata de obstáculos em suas proximidades. “Nossa meta é salvar vidas”, ressaltou Ernesto Pesochinsky, gerente de vendas para a América Latina do Mobileye. Segundo ele, essa é uma solução que pode ajudar países como o Brasil, onde os acidentes automobilísticos são uma das principais causas de morte entre as pessoas. Pesochinsky disse que o próximo passo do Mobileye é difundir carros que se guiam sem motoristas.

Confira mais detalhes do Mobileye aqui: http://www.mobileye.com/.

Educar para a ciência

A Einstein World é uma plataforma de K-12 STEM que proporciona uma experiência de aprendizagem envolvente na área da ciência. O diretor de vendas para a América Latina da Fourier Education, Lior Etz Aharon, explicou que a ferramenta foi pensada para resolver um problema detectado nas novas gerações. “Temos cada vez menos crianças querendo estudar ciência, tecnologia e matemática. Por isso, focamos em soluções para o ensino dessas áreas”, pontuou. A plataforma unifica experimentos que têm como base sensores, atividades interativas multimídia e aplicativos de uso amigável para qualquer aparelho.

Confira detalhes do projeto Einstein World aqui: http://einsteinworld.com/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.